Como Cultivar

Orquídeas Dendrobium: Veja Como Cuidar e Cultivar Corretamente

As orquídeas Dendrobium é uma das plantas abundantes e queridas que satisfaz a maioria das pessoas por causa da sua simplicidade, sutileza, coloração e formato. Muito encontrada na Ásia tropical e subtropical, integrando à família Orchidaceae.

O seu nome é a junção de duas palavras gregas: dendros (árvore) e bio (vida), muitas de suas espécies é epífita, mas também existem algumas de forma litófita. A maioria das orquídeas dendrobium tem altos pseudobulbos roliços que recordam cana-de-açúcar, com folhas por toda parte, florescem em várias colorações.

A grande maioria das orquídeas Dendrobium adoram o clima tropical, e de fato tem uma ótima adaptação às condições climaticas brasileiras. As espécies mais conhecidas é conhecida por orquideas Olho de Boneca, tem esse nome devido ao tom do labelo em conexão as pétalas e sépalas, e pela enorme variedade de cores de suas flores.

 Sendo cultivada em casa ela deve seguir algumas instruções para que floresça corretamente. Florescem em sua grande maioria apenas uma vez durante o ano, mas existem formas de florir mais vezes no mesmo bulbo.

Para que isso aconteça ela necessita de redução das regas após abril, e mais fósforo na adubação, pois quando novos bulbos crescem concentram muita energia para a floração, que geralmente acontece 60 dias após o inverno começar.

Com a rega diminuída, deve ser parada e com isso o ideal é borrifar no final do dia, assim, deixando ela reconhecer a mudança térmica do dia para a noite moderadamente.

Como Cultivar Orquídeas Dendrobium

Para um melhor desenvolvimento ela precisa de regas frequentes, especialmente na época do verão. Importante é que entre as regas é deixar a planta secar, não permitir que raízes fiquem encharcadas para não perder a qualidade da respiração.

O lugar onde vai ser cultivado deve ser arejado, com muita luminosidade; nos locais com muito calor, proteja do sol forte da tarde para não queimar as folhas. As orquídeas Dendrobium podem ser colocadas em troncos com a superfície irregular.

A adubação correta para ela é um adubo granulado tipo NPK fórmula 10-10-10, dissolvido. No dia anterior não esqueça de regar, impedindo o acúmulo de sais que danificam a planta.

Como elas florescem geralmente no fim da primavera até o início do verão, deve-se antes adubar com fertilizante com mais fósforo, como o NPK 4-14-8.

Como Cultivar Orquídeas Dendrobium

Replantar Orquídeas Dendrobium

O seu replantio também tem técnica. Esta orquídea tem raízes finas e delicadas que se quebra fácil, com isso o replante deve ser cuidadoso para que o seu desenvolvimento.

A combinação com carvão vegetal, pedras pequenas e casca de pinus é perfeita para elas, idela para um melhor arejamento no substrato. Isso é mais aconselhado para o cultivo em vaso plástico, deixando uma umidade perfeita com um substrato ventilado.

Podando as Dendrobium

O melhor momento para podar as orquídeas Dendrobium é esperar as flores murcharem, tenha certeza que as flores morreram antes começar a podar, você precisa observar o amarelamento ou escurecimento da espiga. Retire a espiga, não o caule.

Agarre a espiga imóvel com a mão não dominante, depois com a mão dominante faça um corte na base da espiga COM uma ferramenta de corte. Corte os caules em excesso somente ao replantar. 

Replantar Orquídeas Dendrobium

Substrato Para as Orquídeas Dendrobium

Uma atenção deve ter em relação ao substrato usado para o seu cultivo, pois em sua maioria são orquídeas de raízes finas, delicadas e com facilidade de quebras e degradação.

Em vaso plástico elas necessitam de substratos maiores e secagem acelerada, como cascas grossas de madeira, pedra e carvão vegetal, combinado com material orgânico bokashi, húmus esterilizado, areia, entre outros. Assim, o cultivo em vaso de barro adiciona musgo sfagno ou chips de coco.

O ideal é que o replantio deve ser na primavera quando as raízes começam a desenvolver. É obrigatório que a planta fique firme no vaso no replante. Não deixe as folhas muito molhadas durante a rega, assim evita aparecer manchas de fungos e doenças bacterianas.

Cuidado com caracóis e lesmas que adoram as suas raízes finas. Para afugentar estes animais, coloque barreiras com um mínimo de 5 centímetros de largura nos canteiros.

Saiba como cuidar das orquídeas Vanda.

Quer Aprender Mais Sobre Como Cultivar Orquídeas?

Descubra como ter lindas orquídeas, saudáveis e com flores dignas de exposição todo o ano (Mesmo Se Você Nunca Cultivou Antes). Pare de sofrer com doenças, pragas ou manchas em suas orquídeas, no link abaixo você vai aprender o passo a passo para cultivar suas orquídeas como um profissional e conseguir lindas florações.

Aprenda como ter orquídeas lindas, saudáveis e floridas CLICANDO AQUI.

Deixe um comentário: