Como Cultivar

Orquídeas Cymbidium: Aprenda Como Cultivar Facilmente Esta Orquídea

As orquídeas Cymbidium são conhecidas como “orquídea barco”, pela forma do seu labelo e flores. Sua nomeação vêm pelo termo cymba, palavra grega que significa barco.

Esta orquídea é das únicas espécies terrestres epífita e podendo ser colocadas em vasos. Esta orquídea exótica tem flores longas e grandes. Muito encontrada em locais como África, Austrália e diversos países asiáticos.

As Orquídeas Cymbidium são naturais da Ásia. As flores germinam em cachos e com grande durabilidade. Preferem um clima mais frio e apresentam diferentes colorações. São usadas demais em decoração e ambientes, pois possuem lindas flores com o mais belo formato.

A formação das Orquídeas Cymbidium ocorreu por diversos cruzamentos em que se usaram diversos híbridos de cores.

Saiba mais! Veja como cultivar orquídeas amarelas.

Características das Orquídeas Cymbidium

No meio ambiente a Cymbidium se desenvolve como uma planta epífita como também terrestre. As orquídeas Cymbidium tem pseudobulbos que são revestido pelas bainhas das folhas.

As raízes se formam na parte inferior dos pseudobulbos, podem ser um pouco ramificadas. As raízes são cobertas por um velamento geralmente de cor esbranquiçada.

Tem folhas longas, fortes e finas que se desenvolvem na base do solo no pseudobulbo. Podendo a um metro nas espécies que são maiores e o seu desenvolvimento pode apresentar um número de 5 a 15 flores por pseudobulbo.

As orquídeas Cymbidium possuem força e tolerância a diversos ambientes e não precisa de muitos cuidados para o seu desenvolvimento. Dessa forma, ela consegue sobreviver a poucas cuidados, e com isso florescer. Se ela tem um cuidado melhor pode lhe presentear com lindos cachos florais.

Como Cultivar Orquídea Cymbidium

Como Cultivar Orquídea Cymbidium

A Cymbidium é uma orquídea que não é fã de altas temperaturas, de modo geral as temperaturas perfeitas para ela está entre 15°C a 18°C. Mas, é importante que tenha umidade e uma boa circulação de ar. O cuidado com a temperatura está ligado à floração da planta.

Nos lugares onde o inverno é moderado, é importante borrifar com água gelada à noite e pôr pedras de gelo nas bordas do vaso.

É interessante na primavera deixa-lá ao ar livre, porém é importante ficar de olho na temperatura do ar, pois é preciso que essa temperatura se consolide e que não exista luz solar direta. Uma importante dica é esperar o fim da floração antes de coloca-lá ao ar livre, pois uma corrente de ar forte ou com uma mudança brusca na temperatura as orquídeas Cymbidium podem perder as flores.

Ela necessita de regas regulares para impedir que o substrato seque. Mas, o número de regas tem relação com a temperatura e também do tipo de substrato usado, ela é uma orquídea que não necessita de um ambiente propriamente úmido.

A fertilização das orquídeas Cymbidium são extremamente importantes, deve ser feita constantemente, mas mudando a sua proporção de acordo com o desenvolvimento dela.

Para que se desenvolvam com saúde é preciso administrar uma quantidade maior de azoto (N). A fórmula do adubo deve ser: 30:10:10 (N: P: K), que significa 30 partes de azoto (Nitrogênio N), 10 partes de Fósforo (P) e 10 partes de potássio (K).

Na época de floração é preciso aumentar o fósforo na fórmula que fica assim: 10:30:20. Depois é preciso equilibrar a fórmula usando: 20:20:20.

Saiba mais! Veja como cultivar orquídeas Dendrobium.

Quer Aprender Mais Sobre Como Cultivar Orquídeas?

Descubra como ter lindas orquídeas, saudáveis e com flores dignas de exposição todo o ano (Mesmo Se Você Nunca Cultivou Antes). Pare de sofrer com doenças, pragas ou manchas em suas orquídeas, no link abaixo você vai aprender o passo a passo para cultivar suas orquídeas como um profissional e conseguir lindas florações.

Aprenda como ter orquídeas lindas, saudáveis e floridas CLICANDO AQUI.

Deixe um comentário: